Como funciona o Financiamento Imobiliário?

Financiamento Imobiliário: Tudo que Você Precisa Saber Sobre o Assunto.

Como funciona o Financiamento Imobiliário?
Quando uma pessoa deseja comprar um imóvel, além das opções à vista e parcelado direto com a construtora, tem também a opção do financiamento imobiliário, que é uma das vias mais utilizadas.
 

Por que o financiamento imobiliário é uma das formas mais utilizadas?

 
É a forma de quem não tem todo o dinheiro em mãos comprar seu imóvel com prazo para poder pagar.
 

Certo, mas qualquer pessoa pode fazer um financiamento imobiliário?

 
A resposta é sim e não. Todas as pessoas estão aptas a fazer um financiamento imobiliário, porém nem todas conseguem se enquadrar nos pré-requisitos por diversas razões que são analisadas no momento da avaliação de crédito.
 

O que eu preciso para fazer um financiamento imobiliário?

 
No geral tudo se resumo a provar ao banco que você tem condição de se comprometer com aquele financiamento. A prova disso será o comprovante de renda, seja o contracheque ou a declaração do imposto de renda.
 
Para os autônomos é possível comprovar renda por meio de contratos, declaração do imposto de renda, recibo de trabalhos prestados, declaração do sindicato, entre outras.
 
A comprovação dessa renda indicará se você tem ou não capacidade de assumir o financiamento imobiliário, pois o valor das parcelas não pode ser maior do que 30% da renda bruta, seja sua ou do casal.
Vale lembrar que seu nome precisará estar em dia nos cadastros de inadimplência (como a Serasa).
 

Avaliação do imóvel feita pelo banco

 
Além de toda a comprovação, o banco contrata uma empresa que realizará a avaliação do imóvel a ser financiado e comprovar o valor.
A partir daí, o banco elabora o contrato e pede que comprador e vendedor assinem o documento. O contrato deve ser registrado em cartório e levado à agência bancária. Depois disso, é liberado o crédito, e o vendedor é pago. Com isso, o comprador começa a pagar as prestações mensais para quitar sua dívida com o banco. Normalmente, a primeira prestação vence 30 dias após a assinatura do contrato.
 

Posso fazer um financiamento imobiliário 100% do valor do imóvel?

 
Esse é um outro ponto importante. Além de comprovar sua renda, você também precisará ter dinheiro em mãos, pois os principais bancos financiam no máximo até 80% do valor do imóvel USADO. Para você alcançar esse total máximo, sua renda deverá ser compatível em relação ao valor do imóvel.
 

Posso dar meu FGTS como entrada?

 
Sim, a caixa libera seu FGTS em caso de financiamento imobiliário. Inclusive se você tiver um valor alto, você pode pagar toda a entrada com o FGTS e até abater o financiamento a cada dois anos.
 

Qual a taxa de juros do financiamento imobiliário?

 
Varia muito de banco para banco. A Selic é um grande parâmetro para a taxa. Quando a Selic está alta, os juros aumentam, quando está baixa diminuem. 
 

E a taxa de juros do programa Casa Verde e Amarela?

 
Entrar no financiamento imobiliário através do programa Casa Verde e Amarela (antigo Minha Casa Minha Vida) é uma ótima opção para pagar uma taxa de juros baixa e um financiamento longo (até 30 anos). Mas para isso, você precisa se enquadrar em alguns pontos. São eles:
 
- Não ter nenhum imóvel em seu nome;
- A renda familiar seja no máximo R$ 7 mil;
- Ter um valor em mãos para a documentação e um mínimo de R$ 5 mil de entrada.
 

Quais documentos são precisos para fazer um financiamento imobiliário?

 
- RG (Carteira de Identidade), original e cópia;
- CPF (Cadastro de Pessoa Física), original e cópia;
- Comprovante de estado civil, cópia e original;
- Comprovante de renda, original e cópia;
- Imposto de renda (caso declare).
 
O que concluímos ao fim deste post?
 
Todos podem realizar o sonhe de comprar a casa, apartamento ou terreno, basta se enquadrar nos requisitos estabelecidos pelos bancos. E estamos aqui para ajuda-los nesta análise prévia.
 
Ficou mais alguma dúvida? Envie um WhatsApp para (48) 99978-0769.
 

Compartilhe esse post com alguém

  • Compartilhe no Whatsapp
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
Contato via whatsapp Contato via whatsapp